segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Mysteria em aldeia do carvalho foi até agora o maior evento da região

Mysteria foi maior evento ao ar livre, enquanto isso a sangriagosto do fundão andou  às moscas

26 comentários:

Anónimo disse...

Sem comentários ...

Anónimo disse...

Eu gostaria de ver era as contas... com o dinheiro dos outros também eu organizo uma festarola... lol

Anónimo disse...

Três dias de festa para o povo esquecer 2 anos de nada. Estou com uma certa curiosidade para ver as contas da evento.

laura milhano disse...

Como Carvalhense deixo um muito obrigada há equipa de figurantes que foram ESPETACULARES , a organizaçao dou os meus parabéns . Adorei estes inesqueciveis 3 dias de festa supreraram todas as minhas espectativas , foi FORMIDAVEL ;)

Anónimo disse...

o que é que esta festa tem a ver com a Covilhã e com carpinteira?

Rita disse...

ola tudo bem ? gostava que visses a minha pagina de artista e pusesses um like e desses a tua opiniao se possivel. se quiseres partilha hoje voces amanha eu https://www.facebook.com/DragonFiirept Fire Dragons Fire Dragons Fire Dragons Fire Dragons Fire Dragons
Fire Dragons

Anónimo disse...

Fantástica :) as más línguas que façam melhor (se for possível,claro!) ;)

Anónimo disse...

Ao anónimo das 18:52 : não é da Covilhã pois não? Ou então teve má nota a geografia e história... ai ai ai :)

Anónimo disse...

mas com é que alguem pode comparar a SANGRIAGOSTO com uma festazita de aldeia

Anónimo disse...

Realmente a sangriagosto pareceu mesmo uma festinha de aldeia...

Anónimo disse...

Excelente evento,fiquei fã!!! Pena a grande quantidade de ressabiados que continua a existir neste concelho. Parece que o nada existir é o melhor caminho. Camada de gente triste e tacanha. Para o ano lá estarei, disso podem ter a certeza. Adorei =)

Anónimo disse...

Os meus parabéns à organização e toda a gente da Vila do Carvalho que me recebeu muito bem nesta fantástica celebração de vida. Adorei e não esperava algo desta dimensão, um evento verdadeiramente colossal. Fui pela recomendação de dois amigos que tinham estado presentes na sexta-feira e gostaram muito, e não conhecendo eu a Vila, foi uma surpresa muito agradável. Obrigado a todos os residentes da Vila, gente muito simpática e bem disposta; um povo caloroso que sabe receber. Espero que este festival se repita para o ano!

Anónimo disse...

Excelente iniciativa! Só lamento as horas de espera para visitar a "Casa dos Gritos" e percorrer os trilhos, cujos percursos foram (afinal) interrompidos no sábado por terem atirado pedras aos figurantes (foi mau! Muito mau!).
Talvez para o ano consiga percorrer os trilhos do terror e do lobisomem... até lá deixo os meus parabéns à organização e votos de que, em 2016, consigam fazer mais e melhor.

Anónimo disse...

Vê-se que estiveste no Sangriagosto... eu estive lá e não levei com nenhuma pedrada, ao contrário de certas pessoas que foram ao mysteria. E já nem vou falar nos espectáculos do Cale e do concerto do Anselmo, ao contrário de uns 300metros de evento que eram o espectáculo da Aldeia... enfim

Anónimo disse...

Foda.se há aqui cada burro ....
Falam mal de tudo o que se fez na mysteria mas aposto que nunca mexeram uma palha em prol da vila ou bairro onde vivem....
É só diarreias cerebrais ...

Anónimo disse...

O Anselmo... esse ícone cultural...

Anónimo disse...

Anónimo de 4 de Agosto às 22:17, tens toda a razão, há para aí muito burro, foi de facto uma bela festa, foi também a única coisa que esta junta fez na Vila até agora (vamos ver a que custo), aposto que tu nunca fizeste nada pela Vila, quanto à diarreia, podes ir descarregar para Cantar-Galo que há lá muito espaço.

Anónimo disse...

Sem duvida que foi uma grande festa, sem duvida que orgulha a gente da Vila do Carvalho e todo o concelho da Covilhã , nunca se está satisfeito com nada as aberrações que aqui escrevem criticando tudo e mais alguma coisa , em vez es estarem em anónimo dêem a cara e mostram o que alguma vez fizeram por a terra se nao só criticarem . dor de corno é lixado , trabalhem em vez de criticarem juntam-se em vez de se ficarem de braços cruzados a rezar para dar mal . lavem a boca quando imaginam criticar algo que a nossa terra já precisava,o sr das 15:27 deve de ter um grave problema , como outros , se acha que é capaz de fazer melhor avance , os merdosos não fazem falta podem ficar em casa . Viva Vila do Carvalho viva a Mysteria viva tosos os que nela trabalharam muitos parabéns a todos

Anónimo disse...

O DINHEIRO de todos nos residentes do concelho da covilha nao tem que pagar as festas de aldeia! Vem o cromo do presidente da junta vangloriar-se de ter um fundo de apoio aos mais carenciados de 1200 euros e depois gasta dezenas de milhar de euros em copos de vinho, cerveja e circo para o povo!
São prioridades! Tendes o que mereceis!

Anónimo disse...

Bando de parasitas que só sabem criticar o trabalho dos outros quando eles nada fazem. Estas aberrações da natureza não sabem viver em sociedade só andam neste mundo para pisar a terra sem nada fazer em prol dela.

Anónimo disse...

Parte destes comentários pode traduzir-se numa pequena frase: Dor de corno. Heheeh Se acham pouco o trabalho que esse autarca aí tem desenvolvido deixai-o vir para a Covilhã. É de autarcas dinâmicos como esse que aqui precisamos.

Anónimo disse...

Ahahah so se for uma dinâmica hidráulica etílica!
Por favor! Nao há espelhos na aldeia do carvalho?

Anónimo disse...

Anónimo das 20:13 vê-se logo que não és da Aldeia, porque se fosses, vias que o trabalho desse bidon que é o presidente da junta, em dois anos e na Aldeia além da festa foi zero. Nem o básico consegue fazer, nunca a limpeza das ruas e valetas esteve como agora (inexistente). Leva-o para a Covilhã, mas rápido.
Também os há aí engraçados falam mal dos anónimos, mas também eles o são.

Anónimo disse...

Há com cada troglodita por aí. De facto, a limpeza das ruas e valetas é mesmo uma visão de futuro. Deve ser por isso que na ultima década ninguém ouviu falar nessa terra. Santos da casa não fazem mesmo milagres e quando as freguesias estão carregadas de gente tacanha e má língua aí sim percebe-se a dificuldade de se mexer uma palha mesmo quando o trabalho é reconhecido por todos os que não são daí. Na aldeia deviam ter a coragem de fazer o que fizeram na banda da Covilhã, varrer a praga de gente tosca e atrasada que por aí está alojada.

Anónimo disse...

Não sei quem é esta personagem que apareceu agora a falar da banda, nem percebo qual o motivo da banda ser chamada para o assunto que têm estado a discutir, sem dúvida é alguém que não conhece a realidade da grande Aldeia, para o esclarecer:
1º - a banda da Aldeia tem eleições de 2 em 2 anos e todos os sócios podem concorrer á sua direcção.
2º - esta colectividade tem mais sócios que todas as outras colectividades juntas, logo é a mais representativa da Aldeia.
3º - a julgar pelas actividades anunciadas e praticadas ao longo do ano é a única que o faz regularmente, desde teatro, concertos, atelier´s, realização de festas como o carnaval e o fim de ano, cinema, escola de música gratuita, etc.
4º - é a esta colectividade que todas as outras recorrem quando precisam de um espaço fechado para a realização uma festa/almoço/jantar; quando precisam de material para as suas festas (cadeiras, mesas, material eléctrico); a banda nos eventos religiosos da Aldeia (a título gratuito).
Acredito que qualquer director da banda ainda teria mais a acrescentar ao que já disse, se isto não é trabalhar em prol da Aldeia alguém me diga o que é.

Anónimo disse...

Face aos dados avancados o atrasado das 16h44 so pode ser um director analfabeto. Não reparou que o comentário do anónimo das 12h13 dizia respeito a banda da Covilhã? Assim percebe-se o porquê da banda da aldeia ter chegado a tamanha decadência. Nem ler sabem. Bem sei que queriam seguir os nossos passos mas felizmente para a banda da Covilhã o Cavaco preferiu aqui atracar.