sábado, 11 de março de 2017

O deserto como futuro - A Covilhã é o caso mais gritante da diminuição da população a partir da segunda metade do século XX

fotoo
os numaros são como o algodão. Mas são principalmeinte o resultado de politicas erradas de goveirnos e cambras sucessivas dos ultimos 40 anus. 
 
O Interior. explica

16 comentários:

Anónimo disse...

fico a aguardar por mais uma dissertação de Carlos pinto e da partilha no seu facebook deste artigo do O Interior, seu jornal de eleição. É claro que ele não tem qualquer responsabilidade nisto porque só esteve 20 anos à frente da camara da Covilhã

Anónimo disse...

Ahahaahah. Cómicos.

Anónimo disse...

A teoria da catástrofe. Oh Carpintero com é que tu ainda vais na conversa do pasquim que acha tudo mau desde que venha da Covilhã.

Qwerty disse...

Se o pessoal não pinava a culpa era do cp ou do vp?
A descida demográfica é um mal do interior e não da Covilhã. Publicação mais estupida....

Anónimo disse...

Realmente o país aumentou a população e só a Covilha diminuiu. Afinal a deseritificacao do Interior nunca existiu. Oh Carpinteira toma o remédio caralho.

Anónimo disse...

Há por aqui umas bestas comentadeiras que ainda não perceberam que apesar de todo o interior perder gente, foi a Covilha quem perdeu mais. Burros comó catano. Abri os olhos

Anónimo disse...

O problema não e o pinar ou falta dele. O problema é não conseguir fixar as pessoas por falta de atractividade e investmentos. Burros!

Anónimo disse...

Castelo Branco passa para sete vereadores.
La esta, influencia dos anos passados da covilha, que estes são maravilhosos.
Qual o dia que tomais o comprimido de xanax mortal?
http://www.rcb-radiocovadabeira.pt/pag/37269

Anónimo disse...

Acho estranho este post.
Recordo-me bem de Vitor Pereira enquanto vereador na oposição, papaguear aos 7 ventos que na Covilhã não se praticavam politicas de fixação de pessoas.
Agora que esteve presidente 4 anos, nada, zero, fez. É um ridículo, de tanta inércia. E eu que votei nele...

carpinteira disse...

Resultado: nem pinto nem pereira conseguiram estancar a sangria. A Covilhã precisa de gente nova para inverter o declinio dos ultimos 40 anus. Não há volta dar-lhe, os numaros estão aí pró comprovar.

Anónimo disse...

Não mistures o azeite com a agua do batista caralho. Não compares a merda vitoriana com o Channel legítimo.

Anónimo disse...

A respeito da descida demográfica...queríendes o que? depois das fábricas fecharem todas, após a revolução, lá estão os 40 anos, o pessoal só podia desandar lá para as bandas do litoral. Aqui é que os númaros aumentarem. Assim como assim a covilhã até tentou aguentar-se, agora é que foi de frosques.
Fuiiiiiiii.

Anónimo disse...

A população a decrescer e querem uma barragem nova para quê, se quando havia mais população a água era mais que suficiente?

Metias, o encanador mor. disse...

Antes havia muita miséria e muitos habitantes. Qual emprego, qual quê! Os homens de hoje são mansos e não cobrem nada. A cobrir é que era. Bons tempos. Agora só tocam o pífaro...

Beites disse...

Pouco Futuro se oferece
a quem de si que queira ficar
é o que está a dar...

Boa Semana

Anónimo disse...

Quem te cobrisse a ti ó encanador mor! Eheheh